Aqui você saberá mais detalhes desse caso que abalou o Brasil em 1989










Blog criado para divulgar este caso que com o passar dos anos acabou sendo "esquecido". Maristela foi friamente assassinada pelo ex marido que também atirou contra os 2 filhos do casal e o cunhado em 04/04/1989. Depois de mais de 21 anos de espera na justiça, o caso foi à juri popular no dia 01/06/2010 em Jaboatão dos Guararapes, PE.O assassino foi condenado a 79 anos, ficou foragido por 2 anos e 5 meses, e graças a uma denúncia anônima foi capturado e preso em outubro de 2012.

Reprise Programa Papo de Mãe 23/01

O site do Programa Papo de Mãe fez em dezembro uma enquete com os internautas sobre quais programas (4) deveriam ser reprisados em janeiro. Com muitos votos, o programa que abordou o tema de violência doméstica foi um dos escolhidos. A reprise será neste domingo dia 23/01 na TV Brasil as 19h horário de Brasilia.
O programa retratará 4 casos de violência doméstica com desfechos diferentes. Dentre os casos abordados há o caso Maristela Just e o de Maria da Penha, a autora da Lei 11.340 que leva seu nome.

Quem assistiu ao programa em novembro, assista de novo. Quem ainda não viu, não deixe de assistir. Avise a sua família e em especial a alguma mulher que esteja passando por problemas semelhantes. O programa está muito interessante e aconselha bastante sobre que atitudes tomar nessas situações. Não perca.

4 comentários:

Anônimo disse...

Estou assistindo o programa Papo de Mãe neste exato momento. Gostaria de parabenizá-la pela coragem e força. Continue lutando que você é um exemplo para muitas mulheres.
Abraço,
Marinas.

LITERA MUNDI disse...

Acabei de assistir a reprise do programa e fikei muito emocionado, misto de revolta e pesar tantas histórias de dor e impunidade. É muito difícil pedir justiça sem nutrir sentimento de vingança. Homens assim não deveriam ser chamados de homens, talvez monstros.
Sucesso e boa sorte!

Anônimo disse...

concordo com o comentario citado acima! muita garra e força, que você está fazendo o que sua mãe infelizmente não teve condições de fazer! parabéns, abraço!

josete disse...

Assisti o programa ontem 23/01,fiquei muito indignada, é revoltante como no Brasil não existe justiça. O monstro está por aí solto,deve ter formado uma nova família(provavelmente próximas vítimas).

Você se lembra deste caso?