Aqui você saberá mais detalhes desse caso que abalou o Brasil em 1989










Blog criado para divulgar este caso que com o passar dos anos acabou sendo "esquecido". Maristela foi friamente assassinada pelo ex marido que também atirou contra os 2 filhos do casal e o cunhado em 04/04/1989. Depois de mais de 21 anos de espera na justiça, o caso foi à juri popular no dia 01/06/2010 em Jaboatão dos Guararapes, PE.O assassino foi condenado a 79 anos, ficou foragido por 2 anos e 5 meses, e graças a uma denúncia anônima foi capturado e preso em outubro de 2012.

Mais uma aberração da justiça brasileira


        Infelizmente esse é mais um caso que prova mais um DESCASO da justiça Pernambucana com mais uma família. Tenho fé em Deus que DESSA VEZ a justiça realmente será feita. Confio na capacidade profissional de Dra. Inês e na promotoria. José Ramos Lopes saiu condenado no caso Maristela Just e agora no julgamento do caso Maria do Carmo é a vez de Luiz Fernando Dias dos Santos ser condenado. Cadeia para esse tipo de homens. Pelas datas desse crime e pela impunidade que sempre prevaleceu, quem sabe até se isso não serviu de "incentivo" para José Ramos matar Maristela Just em 1989. Esses casos não podem ficar assim.
Daniela, conte com nosso apoio. Infelizmente os filhos precisam lutar para que a justiça se faça.

3 comentários:

GILBERTO disse...

O perigo é esse também nem aparecer, se aparecer puder recorrer em liberdade, aí lá se vão mais uns tantos anos e ele morre de velho.

Anamaria Lima disse...

Concordo plenamente com Natalia! Nao podemos mais tolerar que crimes barbaros como este fiquem impunes! Sera que 32 anos ja nao foramsuficientes? Que a justica seja feita e que Daniela e sua familia sigamem paz. Muita luz, amiga, estou com vc!

Iara Schechtman Sette disse...

Estamos com você, Daniela. Torcendo pela Justiça!

Você se lembra deste caso?