Aqui você saberá mais detalhes desse caso que abalou o Brasil em 1989










Blog criado para divulgar este caso que com o passar dos anos acabou sendo "esquecido". Maristela foi friamente assassinada pelo ex marido que também atirou contra os 2 filhos do casal e o cunhado em 04/04/1989. Depois de mais de 21 anos de espera na justiça, o caso foi à juri popular no dia 01/06/2010 em Jaboatão dos Guararapes, PE.O assassino foi condenado a 79 anos, ficou foragido por 2 anos e 5 meses, e graças a uma denúncia anônima foi capturado e preso em outubro de 2012.

Diário de Pernambuco Coluna opiniões Opinião

O jornal Diário de Pernambuco publicou nesta quinta feira 20/05 em seu caderno Opínião, uma crônica de Elvânio Jatobá sobre os 3 últimos escândalos envolvendo a Advocacia brasileira. 
Pernambuco, infelizmente, conta com um protagonista em mais este vexame para a classe dos advogados!
Vale a pena aos estudantes de Direito refletirem...

Um comentário:

vivian disse...

POR FAVOR AMIGOS QUE ACESSAM O BLOG, VAMOS ENVIAR A FOTO DESSE ASSASSINO FRIO PELA NET TODA E A QUEM PUDERMOS, POIS ELE FOI CONDENADO MAS ESTÁ FORAGIDO, VIVENDO AINDA ENTRE OS DA NOSSA SOCIEDADE; POVO DE RECIFE, PERNAMBUCO , DO BRASIL,DO EXTERIOR: VAMOS DAR O 2º PASSO QUE É FUNDAMENTAL: COLOCÁ-LO ATRÁS DAS GRADES!!!! VAMOS PASSAR TB , PARA TODOS OS PAÍSES QUE PUDERMOS!!! JÁ TEM AQUI NO BLOG DA MARISTELA A FOTO ATUAL DO SUJEITO, VAMOS NOS UNIR E FAZER A JUSTIÇA VALE A PENA MESMO!!!VAMOS TB VISUALISAR ELE CARECA, DE CABELOS NEGROS, BARBA PRETA, RUIVO, DE OUTRAS FORMAS TB(NO BLOG : A FOTO ATUAL CONSTA ELE DE CABELOS GRISALHOS, QUASE BRANCO) POIS ELE COM CERTEZA PODE FAZER ISSO, ENTÃO, FIQUEMOS ATENTOS NOS OLHOS , NO JEITO DO ROSTO DELE, PELA FOTO QUE TEM AQUI NO BLOG!!!!VEJAM QUE A FAMÍLIA NUNCA FEZ NADA COM AS PRÓPRIAS MÃOS, ESPEROU A JUSTIÇA DE DEUS! " FAÇA SUA PARTE QUE EU AJUDAREI" VAMOS AJUDAR, VAMOS NOS SENTIR DIGNOS E MELHORES NA NOSSA NAÇÃO, NO NOSSO DIA A DIA, SE CADA UM FIZER 1 POUQUINHO, FORMA-SE MILHÕES! QUE DEUS OS ABENÇOEM SEMPRE!!!!

Você se lembra deste caso?